Dineheiro EstrangeiroMontar uma microempresa não deve ser apenas uma fuga da iniciativa privada. É uma decisão que envolve diversas responsabilidades por um empreendimento que será somente seu, com pagamento de salários, taxas e tributos. O primeiro passo é conversar com pessoas que já trabalhem na área e troque dicas e informações. Dependendo do segmento escolhido a concorrência é crucial para o sucesso empresarial.

Escolha se a atuação será no comércio, indústria ou prestação de serviço. Além disso, fale com um contador de sua confiança para estabelecer um planejamento financeiro. É importante que a pessoa tenha facilidade e afinidade para trabalhar no ramo escolhido e estude qual será seu público-alvo, ou seja, quem são os clientes que irão consumir seus produtos e serviços.

Escolha o local em que a empresa ficará instalada e dê preferência aos locais próximos aos clientes e fornecedores, reduzindo os custos no preço final dos produtos. Faça um plano de negócios que ajuda a definir o número necessário de funcionários e o que deve ser feito para obter mais lucros. A personalidade do empresário também é importante. Veja qual é o perfil do empreendedor:

  • Senso de organização;
  • Habilidade para assumir riscos;
  • Uma pessoa que sabe aproveitar as oportunidades;
  • Deve obter conhecimentos da área em que irá atuar;
  • Habilidade para falar com as pessoas;
  • Saber delegar;
  • Defenda suas ideias;
  • Ser ambicioso e motivado.

Veja a viabilidade do negócio analisando o mercado e projetando faturamentos. Analise a receita, o capital de giro e a projeção dos custos. É importante pensar nos valores cobrados pelos produtos de acordo com as necessidades da sua empresa.

Outro passo importante é a formalização da empresa, pois empresas irregulares não conseguem empréstimos, financiamentos e podem ter as mercadorias apreendidas. O processo de legalização varia de região para região.

Tabela de Financiamento